sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Nova PMW200: excelente equipamento, mas para quem?



A nova câmera PMW-200 é a sucessora da respeitada Sony PMW-EX1/R, que agora suporta o codec MPEG HD422 @ 50Mbps com gravação no formato MXF. Pode ser uma boa opção de complemento a companheiras maiores como a PMW-500 XDCAM HD422, modelo de ombro muito usado em externas. Com seus 3 sensores de ½ polegada Full HD Exmor CMOS (1920 x 1280), a PMW-200 é capaz de captar em alta resolução (1000 TVl), com alta sensibilidade (F11 @ 2000 lx), baixo nível de ruído (56 dB) e uma larga faixa dinâmica de ganho. Ela pode ser usada em captações SD e HD, podendo ser setada para gravar em 50 Mbps em MPEG HD422 usando arquivos MXF em cartões SxS formatados no padrão UDF, exatamente como a PMW-500 (memória estado sólido) ou as PDW-700/F800, que gravam em discos óticos BD.  Ou ainda podem ser setadas para gravar em formato FAT nos cartões SxS, tornando-os então compatíveis com o formato XDCAM EX das PMW-EX1/R ou PMW-320/350. Para aplicações em SD, o novo modelo pode gravar tanto no formato DVCAM como arquivos MXF ou XDCAM EX.


Feitas as apresentações formais, resta saber a que público alvo se destina esse novo lançamento. Parece que a Sony quer incrementar seu segmento de câmeras voltadas para News Eng (reportagem) e produção de externas menos críticas (documentários rápidos) com modelos mais compactos e leves. Anteriormente ela já havia lançado a PMW-100, ainda mais compacta que a nova PMW-200, ambas tendo como característica o fluxo de trabalho no codec MPEG2 MXF, amplamente utilizado por estações de televisão no  mundo todo, que tem como característica a facilidade de edição e troca de arquivos entre as diversas equipes de produção, com o formato IMX 50 para SD ou XDCAM HD 50 para alta definição.  

Ambos são formatos e fluxos de trabalho que aproveitaram equipamentos mais antigos da Sony, mas ainda em uso por muitas redes de televisão, por conta da confiabilidade e robustez dos componentes. Foi exatamente esse o caso da adoção do formato de disco ótico XDCAM, pela Rede Globo de Televisão, para recebimento de conteúdo de publicidade e demais produções, como reportagens e outros conteúdos produzidos externamente por terceiros.

Mas não foi apenas mirando nas vendas para emissoras que a Sony está lançando esses modelos, que apesar de novos, já nascem meio datados. As produtoras independentes de notícias e mesmo de comerciais menos sofisticados, podem ter nesses modelos uma forma de captar, editar e entregar conteúdo com rapidez e facilidade. Para o mercado de séries mais sofisticadas, comerciais de primeira linha e documentários mais elaborados, os dois modelos já não atendem tanto, visto que a tendência para esse segmento é o uso de câmeras mais cinematográficas, como  RED, Arri Alexa, Sony CineAlta e mesmo câmeras DSLR.

O formato de lentes fixas e sensores minúsculos como o CMOS de ½”  da PMW200, as tornam menos interessantes para esse tipo de demanda. Portanto quem produz com frequência para emissoras de televisão e quer trocar as boas e confiáveis PMW-EX1/R e PMW-EX3, que fizeram muito sucesso nesse segmento, tem, tanto na PMW100 como na PMW200, uma boa escolha.

Principais Características:

·      Três sensores CMOS de ½ pol. Full HD;
·      50Mbps MPEG HD422 em formato MXF (modo UDF);
·      Gravação em formato SD (DVCAM);
·      Lentes fixas Zoom 14x (servo ou manual) com mecanismo único de anel de foco;
·      Dois slots para cartões de memória ExpressCard SxS;
·       Até 4 horas de gravação no formato HD422@50Mbps usando 2 cartões SxS-1A de 64GB;
·      Formato de arquivos em UDF (Disco ótico) ou FAT (XDCAM EX) para compatibilidade total com os workflows tradicionais de outros modelos da gama;
·      Baixo consumo de energia;
·      Leve e compacta;
·      LCD colorido  de 3,5” em 16:9;
·      Slow & quick motion;
·      Focus Assist;
·      Função Slow Shutter;
·      Gravação de áudio em 4 canais HQ;
·      Saídas de vídeo HD/SD-SDI e vídeo composto;
·      Interface USB para leitura dos cartões de memória;
·      Seis modos padrão de ajuste de Gamma e quatro modos de HyperGama;

Grande abraço a todos!

Marcelo Ruiz


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por sua participação! Asim que eu puder, vou responder! Volte sempre!

Marcelo Ruiz

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.